Beachcomber Hotels logo

Cookies

The Beachcomber Resorts & Hotels website employs cookies to improve your user experience. We have updated our cookie policy to reflect changes in the law on cookies and tracking technologies used on websites. By clicking “I accept”, you agree to the storing of cookies on your device to enhance site navigation and analyse site usage.

Cookies List

Cookies Settings

Privacy Preference Center

Whenever you use our online services, including our applications, cookies and other tracking technologies can be used in various ways, like making the beachcomber-hotels.com website work, to analyze traffic, or for advertisement purposes. These technologies are either used by us directly, or by our business partners, including third-party service providers and advertisers we work with.

Because we respect your right to privacy, you can choose not to allow some types of cookies. Click on the different category headings to find out more and change our default settings. However, blocking some types of cookies may impact your experience of the site and the services we are able to offer.

Strictly Necessary Cookies:

We try to give our visitors an advanced, user-friendly website that adapt automatically to their needs and wishes. 

View Details
Functional Cookies:

We use functional cookies to remember your preferences and help you use our website efficiently and effectively. 

View Details
Analytics Cookies:

We use these cookies to gain insight into how our visitors use beachcomber-hotels.com.

View Details
Commercial Cookies:

We use third-party cookies to display personalized advertisements on our websites and on other websites. 

View Details
Places of interest

ENCONTRE O SEU HOTEL BEACHCOMBER PARA AS PRÓXIMAS FÉRIAS

Check-in
-
Check-out
-
noites : -

Explore the museum of photography

O Museu da Fotografia da ilha Maurícia

As primeiras menções de estradas pavimentadas coincidem na Idade Média com o desenvolvimento urbano do século XII. Esta é a ligação entre a rua Vieux Conseil e os seus pavimentos que levam ao Museu de Fotografia da ilha Maurícia. Como a foto, o pavimento resiste à passagem do tempo.

O Museu da Fotografia da ilha Maurícia é um museu privado fundado em 1966 pelo colecionador Tristan Bréville e sua esposa. Ele está abrigado na casa de Rose Hill em Quatre-Bornes. Localiza-se num antigo edifício que foi cedido pela câmara municipal de Port-Louis e restaurado com a ajuda da Associação dos Maires francófonos (AIMF). A inauguração oficial, no dia 1 de julho de 1993, contou com a presença de Jacques Toubon, ministro francês da Cultura, e Jean-Luc Monterrosso, diretor da Casa Europeia da Fotografia
 
A ilha Maurícia é um dos primeiros países do mundo a praticar aquilo que é considerado uma arte. O daguerreótipo surgiu na Maurícia em fevereiro de 1840, quatro meses após a compra da patente de Louis Daguerre, em França. 
 
Muitos documentos sobre a história da fotografia na ilha Maurícia - retratos, paisagens, cenas da cidade e do campo, de grandes eventos, fábricas, cenas de pesca, os primeiros automóveis, o primeiro autocarro (1930), a ferrovia maurícia, casas coloniais, edifícios históricos, fauna e flora - estão em exposição no Museu da Fotografia da ilha Maurícia. 
 
A sua coleção contém mais de mil câmaras fotográficas de diferentes épocas, incluindo a lente de Charles Chevalier, fabricada por Daguerre em 1839. Os (mais de) 400 000 negativos em acetato, as 5 000 placas de vidro, os 28 daguerreótipos, os seus 10 autocromes dos irmãos Lumière, as (mais de) 200 000 impressões da história e as paisagens da ilha Maurícia, os 9 000 postais antigos, as (mais de) vinte e cinco horas de filmes sobre a Maurícia e os seus habitantes a partir de 1939, a documentação dos jornais do final do século XIX até 1945, sobre a fotografia na ilha Maurícia, e os livros e jornais sobre a história do cinema nas Maurícias desde 1897 fazem do Museu da Fotografia um centro de pesquisa iconográfica.
 
Top